quarta-feira, 11 de março de 2009

O Meu Projecto Arcade - 1ª Parte

E começamos por utilizar uma caixa de cartão..



Já tinha lido varias analises sobre os interfaces como o Ipac ou o Mini-Ipac, estes podem simular um teclado mas que são virados para comandos para PC ou consolas, por isso nada como testar primeiro as distancias e o comportamento dos botões e dos joysticks.

Utilizei desde logo para testes o adorado emulador MAME, o Mini-Ipac que é o meu interface vêm já preconfigurado para o MAME, não precisei de fazer nada, é ligar a ficha USB e começar a jogatana.. e a qualidade dos botões e dos joysticks e tal com uma Maquina Arcade genial!!!

1 - E onde se pode arranjar esse material autêntico igual aos das maquinas dos Salões ?

- Como referência principal esta o site da Ultimarc que têm de tudo!!!! Mas eles são do outro lado do atlântico e embora enviem para Europa há que contar com as taxas e até com a "maldita" alfândega, por isso virei-me para o continente Europeu mais precisamente em Inglaterra a Gremlim Solutions que também tem uma optima loja, o envio é rápido..... 3 dias no meu caso.

Existe ainda mais perto a Smallisbig.com na vizinha Espanha, aqui estão disponíveis interfaces só da X-Gaming ( X-Arcade ), o que não é a solução ideal que quero para o meu Projecto.


to be continued...

8 comentários:

  1. Demais!

    Ando a pensar em fazer algo no género há algum tempo, começar com uns sticks individuais e eventualmente uma máquina arcade completa.

    Estás a, ou vais, usar algum frontend? Ainda não encontrei um que fizesse tudo como deve ser.

    Que planeias usar como caixa final? o Cartão não vai durar muito, recomendo que dês uma volta pelo Bricomarché, às vezes têm caixas muito porreiras que podem ser adaptadas para isto.

    Espero ver actualizações disto.

    ResponderEliminar
  2. Uma maquina arcade esta fora de questão, aqui em casa passam-se...!!!

    Comecei a fazer numa caixa em acrilico ( Bar-arcade ) com os comandos e os componentes de pc necessarios tudo tipo Painel de Controle, mas desisti porque fica grande de mais, tou a estudar outra hipotesse de momento.

    Frontends, há o MameWAH, EmuLoader,e o Hyperspin..etc.., procura no youtube por videos são todos muito bons.
    Mas vai ter sempre que se fazer uma instalação do windows e ai até se pode utilizar o Media Center a iniciar com os atalhos para os emuladores, as opções são muitas.

    ResponderEliminar
  3. Eu estou a tentar evitar o windows, o ideal, para mim, era usar uma distro bare bones só com o necessário para ir à net (para usar como media center com um teclado à distância) e um frontend a arrancar com o sistema de forma a que nem soubesse que havia ali algo em termos de emulação a menos que eu quisesse.

    Acrilico tem um problema: peso. Para colares bem precisaria de er umas arestas bem largas o que aumemtaria o peso a menos que fizesses bainhas o que ficava banha e reintroduzia o peso.

    Porque não vês os comandos do Byrdo? Pesquisa na net, são muito giros. Idealmente se estas a fazer uma board stand alone até deveria ser individual para cada jogador pois para apoiar no colo de cada um é difícil devido ao facto de toda a gente ser diferente o que introduz desníveis já para não falar que limita a vontade de jogar sozinho se tiveres que usar um caixote enorme.

    Eu, se fizesse um stand alone, usava contraplacado, algo com meio cm de espessura. Com as arestas encostadas ao máximo umas nas outras e ajudadas por dentro com barras de madeira balsa que é leve (podes comprar na Nazaré em Évora já corta em vários tamanhos e espessuras que se adequariam bem) acho que era resistente e leve.

    ResponderEliminar
  4. Não, é sempre para 2 jogadores, ou seja em termos de comprimento é dificil baixar os 45cm, e tem que ter alguma resistençia pois os botoẽs tem distancias entre eles de 0.5cms a 1cms.

    Tou a pensar em fazer uma mini-armario em madeira até com rodas, 80cms de altura os botoẽs em cima, gaveta para um miniteclado na base coloca-se o monitor, os jogadores jogam sentados, e por dentro leva uma caixa de pc normal, colunas 2.1 e ainda sobra espaço para todos os cabos e para uma ou outra consola.... tou a fazer os desenhos.

    ResponderEliminar
  5. e o Windows vai levar de certeza, devido a alguns emuladores como o Future Pinball

    Barebones, e um site portuguẽs com algum material jeitoso e minusculo http://micro-xpc.com/

    ResponderEliminar
  6. Com esse trabalho todo... descreveste um tabletop se arranjares maneira de esconder o monitor dentro da caixa quando este não está em uso. Se conseguisses até esconder os comandos com pivots podias até deixar no meio da casa como se fosse uma mesa de apoio.

    Já tenho visto soluções semelhantes e para jogos rápidos são muito porreiras, e podes sempre ligar a um monitor maior.

    É essa a minha ideia eventualmente. Idealmente seria uma mistura de mesa de matrecos com um cab de Mortal Kombat mas dúvido que uma futura esposa alinhe nisso e eu odeio ver-me livre de coisas que faço.

    Ah quando digo evitar o windows é mante-lo escondido, até porque para mim teria sempre que poder arrancar em DOS verdadeiro (para quando o 98 não consegue), Win98 e XP. O Linux seria para a fontend e emuladores de consolas, os Windows para os FPSs e outros jogos que de qualquer maneira não se poderiam jogar com sticks.

    ResponderEliminar
  7. http://www.techeblog.com/index.php/tech-gadget/ps2-arcade-stick-made-with-plastic-storage-container

    Podes sempre fazer algo assim lol

    ResponderEliminar
  8. OLá Amigos
    Gostava que entrassem em contacto para mim:
    miguelpsc@hotmail.com
    Tenho maquina arcade e gostava de saber algumas coisas sobre a ligação ao pc.

    Aguardo e Muito Obrigado
    Miguel Luis

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Popular no Blogue: