Avançar para o conteúdo principal

Cubietruck como NAS

E aqui esta já a minha nova board ARM a funcionar. A Cubietruck aka "Cubieboard 3" que adquiri para substituir um dos meus RPi...


Não é que não esteja satisfeito com o Raspberry Pi que vinha mantendo nestes últimos dois anos como servidor aqui em casa. Ele fazia tudo, no entanto desagradava-me o facto de ser bastante lento nas transferências aqui dentro de casa. Limitações na rede samba e igualmente lento quando se tratava de copiar e sincronizar ficheiros e pastas por SSH com o Rsync. Algo que utilizo bastante nos meus backups, alias é o meu método favorito de backups.

Esta board que escolhi para substituir esse RPi têm um preço muito superior, no entanto traz consigo bastantes acessórios. Uma caixa em acrílico capaz de "albergar" um disco rígido de 2.5", cabo sata, cabo usb e ainda outro cabo usb para alimentação. E tudo isto por um preço de 88€. Um valor simpático e já perto de um Raspberry Pi com os mesmos acessórios.


O chip é um A20 Dual-Core 1.0GHz com 2GB de RAM, têm uma porta SATA, rede Gigabit, Wifi e BT com antena na board. Já nas ligações audio e video... HDMI e VGA e até um saída SPDIF.

Na board existem ainda 8GB de memoria que vêm com uma versão do Android 4.2. O board faz boot primeiro no cartão Micro-SD, só depois na Nand caso não exista o cartão. Podemos instalar vários sistemas tanto no cartão, no disco sata ou na memoria Nand. Ainda que estes 8GB de Nand não sejam muito mais rápidos que um cartão SD class 4!

Entre a comunidade e às distribuições oficiais e não oficiais , eu estou a usar uma versão custom do Debian Wheezy. É fácil perceberem a escolha quando a intenção é de a usar como servidor de ficheiros sempre ligado. Depois aquela porta sata mais os 2Gb de RAM dão espaço para muito.

Uma coisa útil na board ainda é suportar ligação a bateria lítio, o que dá-me logo a ideia de investir numa bateria baratucha chinesa só para servir tipo de UPS ;)

Em termos de multimédia pouco testei pois a board não foi comprada com essa intenção. XBMC no Android funcionou o pouco que testei, em Linux não testei e segundo li os drivers para suporte HW não estão afinados para se considerarem estáveis. Aqui o Raspberry com o OpenELEC é uma opção muito mais acertada. Claro que a navegação no XBMC na Cubietruck é muito mais rápida, mas falta depois o mais importante que é fazer PLAY nos vídeos sem problemas ;)


Em termos de "speeds" mantive o Android na Nand e estou a usar o Debian no cartão Micro-SD. Provavelmente se passar o Debian para o disco sata tenho alguns ganhos mas por enquanto vou manter assim, até porque é mais fácil manter o disco em spin-down deste modo. No explorador do Windows via samba consigo já uma velocidade perto do máximo de uma rede de 100mbits (11,2MB/s). E isto com uma serie de programas a correrem em segundo plano. Como comparação no RPi eu não conseguia passar dos 4 a 5MB/s!! Situação idêntica também em transferências por SSH/Rsync consigo o dobro das velocidade agora... ámen ;)


Estou satisfeito pois fiquei com mais um Pi para às brincadeiras e melhorei consideravelmente o desempenho da maquina que serve os ficheiros aqui por casa. 

Comentários

  1. "por enquanto vou manter assim, até porque é mais fácil manter o disco em spin-down deste modo"

    Como é que configuras esta função?
    Com uma dock usb não consegui :/

    ResponderEliminar
  2. Já tínhamos falado nisto. Uso o hdparm, adiciono o comando ao arranque do sistema. E funciona na maior parte dos discos que testado. E preciso só ter atenção ao programas que podem fazer um spin up... por exemplo até uma watch folder ou um ficheiro de log. Aqui o truque é moveres isto para a RAM.

    O hd-idle tb dá e este tens a possibilidade de ver em log os spin up dia a dia.

    Mas se trocares a dock por uma caixa elas fazem isso sozinhas... mas eu aqui estou ligado por Sata

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa da caixa pode ser interessante. Tens link?
      O samba não influencia/impede o standby?

      Eliminar
    2. Link da caixa? Acho que a grande maioria faz isso, às minhas sempre fizeram e ao fim de uns 10 minutos. Falo de uma caixa generalista dessas há venda nas worten e afins da WD, Seagate...etc. Normalmente compro-as com disco ;)

      Se tiveres a aceder via samba obviamente que ele não desliga ;)

      Eliminar
    3. Isso ate é um dos problemas que acho nos WD Elements por exemplo... 10 minutos o spindown é muito pouco tempo.

      Mas Luis, dá uma vista de olhos no hd-idle, se esse funcionar com discos USB pode ser que te safes ;)

      Eliminar
    4. Estava-me a lembrar que a função spindown também poderá estar metida na fw nos western digital elements ou invés do controlador usb como eu estou a pensar.

      Eliminar
  3. Boa Noite, estou com problemas com o Rasp que depois de comprar as Keys para ver filmes DVD ele nao consegue iniciar o DVD com USBDVD
    Jah troquei de Raspbian para Openelec e continua o mesmo.... Ja tirei o USBDVD do Rasp para o USBhub e ao contrario tambem e tb nao funcionam.
    Acredito que seja um problema do Rasp ser um pouco lento ( Single Core ), gostaria de pedir uma ajuda a voce caso possivel de testar um USBDVD para ver se corre normalmente, jah que o seu novo Briquedo eh um Dual Core....
    Caso corra normalmente vou comprar um Dual Core para mim .

    Uma outra pergunta : Qual foi os motivos que te levaram a comprar este e nao outros tipo Banana pi para fazer o seu servidor...

    Abcs,
    Luis Ferreira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luis Ferreira não é mais fácil se optares por fazer backups dos dvd para veres em isto num disco rígido ou na rede ?

      Para já não vou poder fazer o teste que me pediste, como expliquei este brinquedo é para usar como servidor não tenciono usar o XBMC nele. Comprei-o porque em relação ao preço, acessorios, porta sata, rede gigabit e 2gb de ram me parecerem ser o melhor negocio neste momento.

      Eliminar
  4. Boas, Concordo contigo mas precisaria de algums espacos em Disck para todos os DVDs que eu tenho ou que as criancas gostam de assistir. Por isso que gostaria de um mini computer que faca isso sem perder qualquer tipo de qualidade ou desempenho .
    Comprei um USBDVD justamente para esta funcao e que seria mais facil tb para as criancas assistirem seus filmes.
    Construi tambem um Rack para este fim pq antes o Rasp estava atraz da TV e me empolguei em fazer este Rack porque vi alguns na Internet e gosteu muito .
    Agradeco muito quando puderes ou saibas de alguem que tenha um mini computer um pouco mais rapido que o Raspi e que tenha usado o USBDVD para assistir filmes .
    Por favor se puders passar o link da loja que comprastes para que eu possa dar uma olhada nos precos eu agradeceria .

    Abracos,
    Luis Ferreira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para ligares uma drive de dvd então o melhor poderá passar por algo diferente disto.

      Deixa-me dar-te então este conselho:
      http://www.intel.com/content/www/us/en/nuc/nuc-board-dn2820fykh.html

      Este Mini-PC anda dentro da casa dos 120 a 130€, mas precisas de lhes juntar pelo meno 1GB de RAM. Depois é meteres numa pen o OpenELEC e ligares a drive de DVD por USB que não terás metade dos problemas que tens ;)

      Eliminar
  5. Obrigado pela dica, mas serah que nao exista nenhum destes mini computer a nao ser o da Intel que possa reproduzir os DVDs do UsbDVDV ???

    O que falta para eles executarem este periferico ?

    Grato,
    Luis Ferreira

    ResponderEliminar
  6. Boas Nuno,
    Como esta se comportando sua niva placa. Pergunto porque estou querendo uma nova board.
    Se fosse hoje qual board você compraria , você está contente com a que tem? O que você acha das laranjas e bananas pi ?
    Grato.
    Luis Ferreira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta a funcionar no mesmo sitio sem mexer desde então... recentemente até fiz o update para o Jessie.

      Se fosse hoje, compraria outra board mais barata talvez como essas laranjas e bananas que para NAS sem ambiente gráfico servem. Mas hoje já temos o RPI2 e esse seria também uma escolha o
      bvia..

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares:

Linha de comandos: SED

Já me ocorreu ter que adicionar valores alfanuméricos em todas as linhas de um ficheiro de texto. Dependendo do numero de linhas esta pode ser uma das tarefas manuais em que desistimos logo antes de começarmos. Ou não se utilizarmos então o comando sed.
Através da consola de linux, o comando sed permite adicionar letras ou outros valores alfanuméricos antes ou depois das linhas de texto já previamente escritas num determinado ficheiro.
Ex: Em cada uma das linhas do ficheiro lista.txt, eu pretendia adicionar no inicio o seguinte (Inicio da linha). Com estas alterações a ficarem num novo ficheiro com o nome de "nova_lista.txt":
sed 's/^/Inicio da linha/' lista.txt > nova_lista.txt Com o mesmo exemplo mas para o final da linha:
sed 's/$/Fim da linha/' lista.txt > nova_lista.txt Também podemos combinar tudo num único comando que seria assim:
sed "s/.*/Inicio da linha&Fim da linha/" lista.txt > nova_lista.txt O resultado do ficheiro nova_lista…

The Zero Terminal (Portable Pi Zero W)

Há projectos do caraças e este Zero Terminal é um daqueles que faz todo o sentido quando utilizado com o novo Raspberry Pi Zero W!

Com um tamanho de um iPhone, têm ecrã de 3.5", uma bateria de 1500 mAh, HDMI Out e um teclado QWERTY completo deslizante. Só porque sim, quero um ;)

Fonte (AadM)